Notícias

14 Agosto 2020

Província celebrada a Festa do Padroeiro: São Maximiliano, o Santo dos Tempos Difíceis

Escrito por  OFMConv-Notícas

“Não existe maior amor do que este: de alguém dar a própria vida por causa dos seus amigos” (Jo 15:13). Foi com este versículo que o vigário provincial, Frei Flávio Amorim (OFMConv.), iniciou a leitura* durante a Santa Missa celebrada hoje, 14, em ação de graças a São Maximiliano Maria Kolbe, o padroeiro de nossa Província (leia sobre o santo clicando aqui).

 

A celebração aconteceu no Santuário Jardim da Imaculada, a Niepokalanów brasileira e continuação do sonho do Santo dos Tempos Difíceis. O santuário é localizado na Cidade Ocidental (GO) e estiveram presentes os guardiães e representantes dos conventos e casas de formação das regiões centrais da Província.

 

Durante sua homilia, o Frei Gilberto de Jesus (OFMConv.) relembrou a trajetória de São Maximiliano e como o santo do século difícil dedicou a sua vocação a conquistar o mundo para Cristo pela Imaculada. O provincial comentou também como desde o início de sua vida, Frei Maximiliano buscou resgatar a santidade em tempos contrários a ela.

 


O Provincial relembrou o exemplo de Frei Maximiliano.

 

 

Continuando, o Ministro Provincial explicou que Dom Frei Agostinho buscou seguir o exemplo da vocação kolbiana. “Ele fez questão de se formar no mesmo Seminário que São Maximiliano”, explicou. A influência não parou por aí. Frei Gilberto falou também como Frei Agostinho Stefan procurou continuar o sonho kolbiano em sua missão no Brasil e, assim como o seu modelo vocacional, ele dedicou a sua vida a doar-se pelo próximo.

 

Em seguida, todos e todas renovaram os seus votos de consagração à Imaculada. Após a Santa Missa, todos reuniram-se para o almoço compartilhado também com os jovens do Postulantado dedicado ao padroeiro e ainda alguns convidados. A tarde foi destinada a momentos de partilha fraternal entre os presentes.

 

Província celebrou a Festa de seu padroeiro.

 

 

Os frades aproveitaram este momento para relembrar a Missão franciscana conventual que, por influência da obra kolbiana, chegou a terras brasileiras para propagar o Evangelho nos caminhos de Francisco e também conquistar o mundo para Cristo pela Imaculada. Nos outros conventos e Paróquias da Província a data em ação de graças ao Padroeiro também foi celebrada.

 

Frei Gilberto explicou também como Dom Frei Agostinho teve São Maximiliano como exemplo.

 

 

*: As leituras realizadas na Santa Missa de hoje diferem-se da Liturgia Diária em detrimento da data celebrada pela Província. Estas foram: 

  • Primeira Leitura - Sab 3, 1-9;
  • Salmo - Sl 115, 10-11. 12-13,.16-17;
  • Segunda Leitura - 1Jo 3, 13-18;
  • Evangelho - Jo 15, 12-16. 

 

 

CONFIRA MAIS FOTOS NA GALERIA ABAIXO!

Mais nesta categoria:

Artigos

Ver todos os artigos
© 2018 Ordem dos Frades Menores. Todos os direitos reservados

 
Fale conosco
curia@franciscano.org.br